cabe a mim

Compartilhar a vida com alguém é incrível, dividir as conquistas, chorar as derrotas mas essa história de metade da laranja é uma roubada, porque se o outro vai embora só resta meio. Precisamos dar conta da nossa inteireza, porque a troca é muito melhor quando se trata de dois inteiros. 

Ser inteiro é uma constante busca, afinal sempre vai existir “a parte que falta”, que não é pra ser preenchida. A parte que falta é o que nos move para o novo, a fazer descobertas, correr riscos, se desafiar. Portanto, cabe a mim ser inteiro na minha incompletude.

Cabe a mim ser inteiro, 2020
40x45cm
costura e tinta acrílica sobre canvas

tiragem: 16 + p.a